Possíveis efeitos colaterais do vape que você deve saber

0
5752
Possíveis efeitos colaterais do vape que você deve saber

Trocar o cigarro pelo vape ou cigarro eletrônico esta cada vez mais frequente no mundo todo e a pessoa tem um ganho significativo com isso já que diversas pesquisas indicam que o vape faz pelo menos 95% menos mal comparado ao cigarro tradicional, porém nem tudo são flores e existem possíveis efeitos colaterais do vape, estes efeito não são universais mas podem ocorrer dependendo do organismo da pessoa e a forma que ela utiliza o dispositivo. Conheça abaixo alguns deles.

Boca seca

Um dos efeitos colaterais mais comuns do vape. A boca seca está mais associada aos ingredientes básicos do e-líquido: PG e VG (propilenoglicol e glicerina vegetal).

Embora as porcentagens mais altas de PG sejam frequentemente relatadas como tendo um efeito mais secante na boca, não é incomum que vapers com líquidos 100% VG ainda experimentem isso. As razões por trás disso parecem contra intuitivas.

PG e VG são umectantes, e é por isso que são usados ​​em produtos consumíveis para manter as coisas úmidas; mas também são higroscópicos, o que significa que absorvem água.

Ao sentir a boca seca geral, você pode usar um enxágue de hidratação oral como o Biotene, que ironicamente tem tanto PG quanto VG como ingredientes, ou você pode simplesmente beber mais água. Esses dois métodos são geralmente a maneira mais simples de recuperar a umidade na boca.

Se você tiver uma boca persistentemente ressecada, consulte seu médico. A boca seca crônica pode ser um sintoma de desidratação e pode causar sérias complicações de saúde bucal se não tratada.

Dor de garganta

A garganta inflamada ou arranhada pode ser causada por uma série de coisas: nicotina, propilenoglicol, aromatizantes ou até mesmo a coil usada no atomizador.

Algumas coils usadas na vaporização são à base de níquel e não é incomum que os usuários descubram que têm alergia ao níquel.

Além disso, vários relatórios online podem ser encontrados associando a dor de garganta com alto teor de nicotina, especialmente quando usado com altos níveis de propilenoglicol (50% ou mais).

Se você acha que esses problemas estão relacionados ao e-líquido, experimente uma porcentagem maior de VG, um novo sabor – como um líquido mentolado ou diminua a concentração de nicotina.

Se você tem certeza de que não é o líquido ou a nicotina, pode ser o tipo de fio usado em sua coil. Verifique as especificações do dispositivo e veja se ele tem uma coil de níquel ou uma coil com conteúdo de níquel, como nicrômio (geralmente listado como Ni80).

Se o metal da bobina específico não estiver disponível, substitua-o por um que indique claramente que usa Kanthal ou aço inoxidável – o aço inoxidável também pode conter níquel, mas geralmente apenas até 10%. Se isso não parece melhorar a dor de garganta, marque uma consulta com seu médico.

Tosse

Problemas com tosse durante a vaporização frequentemente são reclamações de vapers iniciantes, mesmo quando eles são ex-fumantes ou fumantes atuais.

De um modo geral, a tosse é o resultado de uma abordagem errada de vaporização e inalação. Como o resultado de um alto teor de nicotina sendo usado com uma inalação direta do pulmão ou tentando dar uma tragada como feita no cigarro em um dispositivo com muito fluxo de ar.

Dores de cabeça

Se você parou de fumar recentemente, não é incomum que ocorram dores de cabeça. Embora você ainda possa obter nicotina dos vapes, a nicotina não é o único alcaloide encontrado no tabaco. Alcaloides têm um efeito fisiológico no usuário e a interrupção do uso pode causar dores de cabeça.

A nicotina é o principal alcaloide do tabaco, respondendo por cerca de 95% do conteúdo de alcaloide, mas existem outros alcaloides secundários do tabaco na fumaça do tabaco, não presentes no e-líquido do vape. Esses alcaloides menores do tabaco trabalham em conjunto com a nicotina e acredita-se que aumentem a dependência potencial.

Se você recentemente parou de fumar e está utilizando apenas nicotina, é possível que a nicotina sozinha não seja suficiente para afastar as dores de cabeça no início, e você pode estar retirando outros produtos químicos e alcaloides encontrados no tabaco.

Se você está sentindo dores de cabeça e não é por parar de fumar, é possível que você esteja desidratado. As dores de cabeça são um sintoma comum de desidratação. Se você notou boca seca persistente em conjunto com suas dores de cabeça, um remédio poderia ser simplesmente beber mais água. Mas se isso não funcionar, você deve consultar um profissional médico.

Tonturas

Semelhante à sensação de fumar pela primeira vez, não é incomum sentir tonturas e vertigens com o vape.

Também semelhante a fumar, isso normalmente deixará de se apresentar quanto mais você consome. Esse sentimento não é do vapor no geral; é da vaporização da nicotina – particularmente com alto teor de nicotina.

Se você está preocupado com tonturas ou sensação de estar com vertigens, o melhor a fazer é diminuir a quantidade de nicotina ou a quantidade que você vaporiza em curtos períodos. Se você preferir não diminuir o consumo, é algo que provavelmente irá embora à medida que seu corpo se acostumar com a nicotina.

Perda / Ganho de peso

Não há evidências de que a vaporização ajudará na perda de peso ou causará ganho de peso, mesmo se a nicotina for usada. Embora a nicotina seja considerada por muitos como um supressor do apetite, especialmente no contexto do tabagismo, não há muitas evidências conclusivas que comprovem sua eficácia na perda de peso.

Importante lembrar: a nicotina é um estimulante, e outros estimulantes semelhantes (como a cafeína) estão associados à queima de gordura, aumentando a taxa metabólica. Mas a queima de gordura e a perda de peso não são a mesma coisa.

Isso não quer dizer que seja impossível que ocorra perda de peso por vaporização, mas definitivamente não é um efeito colateral real. Se por acaso alguém perder peso com a vaporização, uma explicação mais simples é que a vaporização é uma fixação oral sem calorias.

Muitos vapers descobrem que os sabores doces diminuem a necessidade de comer doces. Por outro lado, se você parar de vaporizar, há uma chance de que a ausência da ação mão-a-boca acabe sendo substituída por calorias que podem levar ao ganho de peso.

Cansaço e fadiga

A nicotina é um estimulante que, paradoxalmente, pode aumentar o estado de alerta mental e ter um efeito sedativo. Para alguns usuários, é mais um do que o outro.

É concebível que, se você estiver cansado ou fatigado pela vaporização, isso pode ser semelhante a uma queda de cafeína. Se você começar a ficar com sono, tente diminuir ou aumentar a força da nicotina, ou mesmo eliminá-la completamente. ‘

A questão é que o que você está usando atualmente está em desacordo com você. Mude isso.

Dor no peito

Pode haver várias razões para a dor no peito causada pelo vape. Calor excessivo, alto teor de nicotina ou talvez até mesmo os condimentos específicos em um determinado e-líquido podem ser a causa.

Alguns usuários em fóruns de vaporização afirmaram que líquidos de canela (ardentes) contendo o aromatizante químico cinamaldeído causam dor no peito. Seja qual for a causa, a dor no peito não é uma questão insignificante e pode ser um sinal de um problema de saúde mais sério.

Se você está sentindo dor no peito e parece ser o resultado do que você está vaporizando, pare de vaporizar! Se for necessário, volte em outro momento. Então, talvez você possa diminuir a potência, reduzir a nicotina, mudar o atomizador ou a bobina ou mudar o sabor. Basicamente, tente alterar toda a configuração, se necessário.

Se a dor no peito persistir, procure ajuda médica.

Conclusão

Muitos dos efeitos colaterais percebidos da vaporização são, na verdade, efeitos colaterais do uso de nicotina. No entanto, alguns desses efeitos colaterais são específicos da própria vaporização. A chave a ser lembrada é que os vapes não são produtos para a saúde. Eles são uma alternativa muito mais segura quando o vape é comparado ao cigarro tradicional.

Se você é uma das milhões de pessoas que usam o vape como alternativa ao fumo, os leves efeitos colaterais da vaporização devem ser vistos em comparação com os perigos reais e absolutos de fumar.